Agrodefesa e Crea-Goiás reafirmam Acordo de Cooperação Técnica e Operacional

 

Parceria trouxe resultados positivos para ambas as instituições e para a sociedade goiana. Troca de informações e atuação integrada serão ampliadas em 2021

A Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa) e o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Goiás (Crea-Goiás) reafirmaram, nesta segunda-feira (14/12), os termos do Acordo de Cooperação Técnica e Operacional firmado em novembro do ano passado, além de ampliar as ações conjuntas no exercício de 2021. O compromisso foi firmado durante visita do presidente do Crea, Francisco Almeida, ao presidente da Agrodefesa, José Essado.

As atividades desenvolvidas conjuntamente reforçam as iniciativas de ambas as instituições, ao reunir esforços técnicos e administrativos, potencializar os recursos humanos e promover a cooperação na modernização dos sistemas de fiscalização. O Crea colaborou, inclusive, na criação e implementação do Sistema de Inteligência e Gestão Estadual de Agrotóxicos (Sigea).

O presidente da Agrodefesa, José Essado, disse que a parceria com o Crea-Goiás é muito relevante, especialmente na execução das ações de defesa sanitária vegetal, de ações de fiscalização vegetal e fiscalização de agrotóxicos no Estado de Goiás. “A união de forças e conhecimento, bem como a ação integrada dos profissionais da Agrodefesa e dos engenheiros agrônomos, resulta em benefícios para profissionais da área e para toda a sociedade goiana”, afirmou Essado.

Avançar mais

O presidente do Crea, Francisco Almeida, reafirmou a continuidade do Acordo de Cooperação Técnica com a Agrodefesa, mesmo com o término de seu mandato como presidente da instituição. Ele disse que em 2021 vai contribuir ainda mais com a divulgação do Sigea. Também anunciou a criação de um sistema informatizado de emissão de receitas agronômicas no âmbito do Crea, para facilitar o trabalho dos profissionais legalmente habilitados.

Ainda durante a visita, Francisco Almeida entregou ao presidente José Essado um certificado de Reconhecimento Público, pelos relevantes serviços prestados pela Agrodefesa, nos termos do Acordo de Cooperação Técnica e Operacional firmado com o Conselho, troca de informações técnicas com o objetivo de promover a segurança alimentar de toda a população goiana. Participaram do evento, dirigentes do Crea e assessores técnicos e gerentes da Agrodefesa.

Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa) – Governo de Goiás – 3201-3546

Francisco Almeida, presidente do Crea-Goiás, entrega certificado ao presidente da Agrodefesa, José Essado

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.